Logo WA

10 Dicas para Aumentar a Velocidade do Seu Site WordPress

Pesquisar
Close this search box.
10 Dicas para Aumentar a Velocidade do Seu Site WordPress
Compartilhe:
Neste artigo você vai encontrar:

O carregamento lento do seu site WordPress pode ser um grande obstáculo para o sucesso de sua empresa. Não apenas afeta a experiência dos visitantes do seu site, que lembre-se, são todos potenciais clientes para seus produtos e serviços, mas também temos que estar cientes de que pode e com as atualizações feitas por buscadores como o Google, vai com certeza afetar sua classificação nos motores de busca e, consequentemente, a visibilidade do seu site e você vai sentir queda nas suas vendas online. Além disso, um site lento também pode levar a um aumento na taxa de abandono, o que significa que os usuários podem não retornar ao seu site depois de terem experimentado um carregamento lento, prejudicando novamente suas vendas.

A boa notícia é que há algumas otimizações simples que você mesmo pode realizar para aumentar a velocidade do seu site WordPress e melhorar a qualidade de navegação dos visitantes e evitar um impacto maior nas suas vendas.

✅Mas lembre-se que aqui na WA somos especialistas em otimização de sites WordPress e somos a única empresa com 2 especialistas WordPress na lista TOP50WP.

Então vamos ao que interessa, pare de perder posicionamento do seu site agora mesmo, aqui estão 10 dicas para ajudá-lo a aumentar a velocidade do seu site WordPress:

1 – Faça um Upgrade ou Contrate para um Plano de Hospedagem Superior Especializado para WordPress

A escolha do provedor de hospedagem do seu WordPress é uma das decisões mais importantes que você deve tomar ao criar um site WordPress. Um provedor de hospedagem de qualidade pode ter um impacto significativo na velocidade do seu site.

Considere o upgrade para um plano de hospedagem WordPress mais poderoso para obter os benefícios a longo prazo. Se você não quiser gastar muito, experimente os serviços de compartilhamento e gerenciados de hospedagem WordPress que já são otimizados para WordPress. Os servidores padrão oferecem recursos limitados em comparação com os dedicados ou gerenciados, e isso afeta diretamente a velocidade do seu site.

Alguns fatores que você deve considerar ao escolher um serviço de hospedagem incluem:

  • VPS ou Servidores dedicados: Apesar da grande diferença entre VPS e Servidores dedicados, ambos oferecem recursos exclusivos para o seu site, como mais largura de banda e espaço em disco, o que pode ajudar a melhorar a velocidade do seu site.
  • Suporte técnico especializado em WordPress: É importante escolher um provedor de hospedagem que ofereça suporte técnico confiável e acessível para ajudá-lo a solucionar quaisquer problemas relacionados à velocidade do seu site.
  • Tempo de atividade: Escolha um provedor de hospedagem que ofereça um tempo de atividade elevado para garantir que o seu site esteja sempre disponível para os usuários. Monitore você mesmo com ferramentas como Uptimerobot.

Lembre-se de fazer uma pesquisa aprofundada e comparar vários provedores de hospedagem antes de tomar uma decisão. Escolher o provedor de hospedagem certo pode ser a diferença entre um site rápido e uma experiência de navegação frustrante para os usuários.

Por fim, é importante ter em mente que o seu host não é o único fator que determina a velocidade do seu site. Outras coisas, como otimização de imagens, código limpo e uso de conteúdo em cache, também desempenham um papel importante. Portanto, é importante levar esses fatores em consideração ao escolher a melhor opção de hospedagem para o seu site WordPress.

2 – Utilize um servidor web otimizado para WordPress

Como vimos, um dos principais fatores para determinar a velocidade de carregamento de um site WordPress é a hospedagem do site. Embora seja possível melhorar os tempos de carregamento usando técnicas de otimização e SEO, é verdade que contar com um servidor web otimizado para WordPress é essencial para obter o melhor desempenho de seu site. Existem diversos servidores web para WordPress, cada um com recursos e funcionalidade diferentes.

Além disso, optar por um servidor web otimizado para WordPress oferece vários benefícios, não só em termos de velocidade, mas também no que diz respeito à segurança e estabilidade de seu site. Pesquisas mostram que os principais motores de busca, como o Google, leva em conta a velocidade de um site ao classificar um site. Isso significa que quanto mais rápido for seu site, maior será a chance dele aparecer nas primeiras posições do Google.

Um bom servidor web para WordPress deve estar totalmente configurado para atender às necessidade de uma instalção do CMS. Veja algumas práticas que seguimos aqui na WA para nosso serviço de Hospedagem WordPress:

  • Programa Servidor Web: Usamos o LiteSpeed por ser uma opção altamente eficiente e oferecer uma melhor performance em comparação com outros programas servidor web, como Apache e Nginx. O LiteSpeed foi projetado para processar requisições mais rapidamente do que outros programas servidor web, além de oferecer suporte a vários tipos de cache, incluindo cache de nível de servidor e cache de objeto, o que pode resultar em tempos de carregamento mais rápidos para o seu site WordPress
  • Memória RAM: É recomendado ter pelo menos 2GB de memória RAM para um site WordPress de pequeno a médio porte. Se você espera ter um tráfego significativo, pode ser necessário aumentar a quantidade de memória RAM para suportar a carga.
  • Sistema operacional: O sistema operacional nativo mais comum para hospedar sites WordPress é o Linux, por isso fuja de qualquer outra opção. Já a distribuição Linux que usamos para hospedar sites WordPress é o Ubuntu, isso se deve ao fato de ser uma distribuição estável e segura, com uma ampla comunidade de desenvolvedores que fornecem suporte e recursos adicionais.

Isso é o básico que você deve saber sobre o que seria uma hospedagem realmente focado em WordPress.

Ajuste suas configurações do servidor para otimizar o WordPress

Hospedar o seu site em um servidor de qualidade e otimizar as configurações de servidor são duas das principais formas de aumentar a velocidade do seu site WordPress. É importante que você avalie seu servidor e todos os componentes do seu sistema de hospedagem de site para garantir que ele esteja atualizado com as tecnologias e configurações mais recentes.

Um servidor bem configurado oferece ao seu site o melhor desempenho possível. Além disso, as configurações corretas são essenciais para o SEO e para a indexação do seu site no Google. Se você quiser aumentar a velocidade do seu site e melhorar seu SEO, aqui estão algumas dicas importantes para melhorar suas configurações de servidor.

Primeiro de tudo, verifique se a sua hospedagem de site está usando um servidor com Litespeed, um servidor web que combina velocidade, segurança, escalabilidade, otimização e uma estrutura de cache ideal para o WordPress.

LiteSpeed para Hospedagem WordPress

Veja o comparativo na tabela acima onde o LiteSpeed ​​teve desempenho 5 vezes melhor que o nginx e 13 vezes melhor que o Apache ao servir um site WordPress em cache por HTTP/2, maximizando o desempenho que você pode obter da sua estrutura de servidor atual, apenas mudando para o LiteSpeed.

Além disso, você deve considerar a configuração de segurança do servidor. Por exemplo, você pode configurar seu servidor para bloquear o acesso a determinados arquivos ou pastas. Isso pode ajudar a prevenir o acesso não autorizado ao seu site e aumentar a segurança.

Por fim, você deve verificar se todas as configurações de seu servidor estão sendo aplicadas corretamente. Isso pode ajudar a garantir que o seu site esteja sempre executando da melhor forma possível. Você também pode usar ferramentas como o GTmetrix para testar a velocidade do seu site periodicamente.

3 – Otimize o Banco de Dados do seu WordPress

Quando se trata de otimizar o desempenho e aumentar a velocidade do seu site WordPress, não podemos deixar de lembrar de otimizar seu banco de dados. É uma etapa fundamental na otimização do seu site e pode fazer toda a diferença nos tempos de carregamento de suas páginas.

Vamos dar uma olhada em algumas dicas para otimizar o banco de dados do seu WordPress:

  • Utilize um Plugin de Otimização de Banco de Dados: Existem vários plugins gratuitos de otimização de banco de dados que ajudam a limpar e otimizar seu banco de dados de forma rápida e fácil. Exemplos de plugins populares incluem WP-Optimize, WP-DB Manager e WP Clean Up. Estes plugins ajudam a remover registros desnecessários, como postagens antigas ou revisões de porst antigas, limpar o banco de dados temporário e comprimir e limpar tabelas do banco de dados.
  • Limite o Número de Revisões Salvas: É recomendado limitar o número de revisões salvas para cada postagem. Isso irá reduzir drasticamente o tamanho do seu banco de dados e, portanto, melhorar a velocidade do seu site. Você pode fazer isso adicionando algumas linhas de código ao seu arquivo wp-config.php.
  • Ative o Compartilhamento de Memória do Banco de Dados: O compartilhamento de memória do banco de dados ajuda a acelerar o carregamento do seu site, pois os dados são armazenados na memória do servidor. Você pode ativar isso adicionando algumas linhas de código ao seu arquivo wp-config.php.
  • Desative Plugins Desnecessários: Desative todos os plugins desnecessários que você não usa. Plugins que não estão sendo usados podem contribuir para o aumento do tamanho do banco de dados e, portanto, prejudicar a velocidade do seu site. Lembre-se que após a remoção dos plugins é ideal otimizar o banco com os plugins do primeiro tópico.
  • Remova Spam de Comentários: Os comentários de spam são um grande problema e podem contribuir para o aumento do tamanho do seu banco de dados. É importante que você remova todos os comentários de spam de seu site o mais rápido possível. Você pode usar plugins como Akismet para ajudar a filtrar os comentários de spam.

4 – Use o Google Core Web Vitals e siga as recomendações

O Google Core Web Vitals é um conjunto de medidas de desempenho de sites que o Google criou para ajudar os webmasters a melhorarem a experiência do usuário de seus sites. Estas medidas incluem a velocidade de carregamento, a resposta a interações usuário e a estabilidade visual.

Indicações do Core Web Vital Aumentar a Velocidade do Seu Site WordPress

✅Leia o artigo sobre o que é o Google Core Web Vitals para saber mais detalhes dessa ferramenta.

O Google Core Web Vitals basicamente fornece uma lista de recomendações e melhorias para garantir que suas páginas carreguem rapidamente. Ao usar a ferramenta, ele verifica seus sites para problemas comuns que afetam o tempo de carregamento e desempenho das suas páginas. Quando você descobrir que o tempo de carregamento de uma determinada página está acima do limite definido pela nova experiência do usuário móvel (Mobile UX) do Google, faça os serviços necessários para reduzir o tempo de carregamento da página.

Estas medidas são parte importante das recomendações do Google para a otimização SEO de sites, pois estão diretamente relacionadas à experiência do usuário, e elas também estão se tornando um sinal importante para os rankings de mecanismos de busca.

5 – Ative a Minificação e a Compressão de seus arquivos CSS e JavaScript.

A minificação e a compressão Gzip são dois processos essenciais para melhorar a velocidade de carregamento do seu site WordPress. A minificação remove os espaços em branco desnecessários no HTML, JavaScript e CSS para reduzir o tamanho dos arquivos. Por sua vez, a compressão Gzip reduz drasticamente o tamanho dos arquivos de imagem comprimindo os arquivos para que possam ser lidos mais rapidamente pelo navegador.

A otimização da velocidade do seu site WordPress é essencial para melhorar a experiência do usuário e também para o seu posicionamento nos resultados do mecanismo de busca do Google. Uma etapa importante para atingir esse objetivo é minimizar os arquivos CSS e JavaScript na sua página. Esta dica tem um duplo benefício: reduzir o tamanho dos seus arquivos e também acelerar o carregamento da página.

Quando você reduz os arquivos CSS e JavaScript que seu site usa, não só reduzirá o tamanho dos arquivos, mas também os tornará mais fáceis de ler e entender. Isso significa que o navegador do usuário precisará de menos tempo para processar os arquivos e, portanto, a página será carregada mais rápido.

Se você não tem conhecimento técnico, existem algumas ferramentas gratuitas que poderão ajudá-lo nessa tarefa. Uma das mais conhecidas é o PageSpeed Insights da Google. Com essa ferramenta você pode fazer o teste do seu site e obter mais informações detalhadas sobre arquivos CSS e JavaScript que você possa minimizar.

Outra ferramenta útil é o Google Closure Compiler. Esta ferramenta pode ajudar a reduzir o tamanho do seu código em até 50%, tornando-o mais fácil de ler e entender. Você também pode usar ferramentas como o CSS Comb e o CSS Minifier para ajudar a reduzir o tamanho dos seus arquivos CSS.

Finalmente, você também pode usar plugins do WordPress para ajudar a otimizar a velocidade do seu site. Plugins como o Autoptimize e o WP Rocket podem ajudar a minimizar os arquivos CSS e JavaScript e também a melhorar a velocidade de carregamento da sua página. Outros plugins como WP Fastest Cache e W3 Total Cache te permitem ativar a minificação e a compressão GZIP com apenas um clique.

6 – Instale um Plugin Cache para agilizar o carregamento de páginas da web e reduzir o consumo de memória do servidor.

Plugins separados de cache, como o WP Rocket ou o LiteSpeed Cache, operam seu próprio servidor de cache para otimizar o carregamento da sua página. É muito eficaz para diminuir a carga no servidor enquanto carrega as páginas da web através de diferentes computadores.

Mas o que é o cache de um site?

O cache de um site é um processo pelo qual parte do conteúdo do site é armazenado em cache (ou seja, é armazenado em um local temporário) para que possa ser acessado rapidamente nas próximas vezes que o usuário acessar o site. Isso significa que, em vez de gerar dinamicamente as páginas do site todas as vezes que um usuário as acessa, o site pode simplesmente entregar a versão em cache da página, o que significa que o carregamento é muito mais rápido.

O cache também pode incluir elementos estáticos do site, como imagens, arquivos CSS e JavaScript, que são armazenados em cache para que possam ser acessados rapidamente quando o usuário visita o site novamente. Isso significa que o navegador não precisa baixar esses elementos todas as vezes que o usuário visita o site, o que também ajuda a acelerar o carregamento.

Em geral, o cache de um site é uma forma de acelerar o tempo de carregamento e melhorar a experiência do usuário, pois permite que o site carregue mais rapidamente e seja mais responsivo. Além disso, o cache também pode ajudar a melhorar o desempenho do site, pois reduz a carga no servidor e pode melhorar a classificação do site nos motores de busca.

Por que instalar o plugin de cache no WordPress?

Instalar um plugin de cache é uma das melhores maneiras de aumentar a velocidade do seu site WordPress. Quando um usuário visita um site, todo o conteúdo é carregado a partir dos servidores da web onde o site está hospedado. Instalando um plugin de cache, você armazena cópias dos arquivos HTML, CSS e Javascript em um servidor de cache. Isso pode reduzir drasticamente o tempo de carregamento do site, pois esses arquivos são entregues mais rapidamente ao usuário. Além disso, também é útil para reduzir o uso de memória no servidor, pois não é necessário carregar todo o conteúdo toda vez que um usuário visita o site.

Para usar o plugin de cache com o seu site WordPress, você precisa escolher um que se adequa às suas necessidades de otimização e hospedagem. Uma vez instalado, você pode configurá-lo com as opções mais adequadas para o seu site e definir a quantidade de tempo para cachear as páginas do site. Além disso, também é importante configurar seu plugin de cache para trabalhar com o Google para garantir que seu site seja rastreado e ranqueado de forma rápida e correta.

Instalar um plugin de cache pode ser uma grande ajuda para aumentar a velocidade do seu site WordPress, reduzir o uso de memória do servidor e garantir que o seu site seja bem ranqueado pelo Google. Com o tempo, isso pode ajudar a melhorar o tráfego do seu site e aumentar a satisfação dos usuários.

7 – Otimize Imagens Antes de Envio por FTP – use plugins para otimização das imagens

A otimização de imagens é muito importante para aumentar a velocidade do seu site WordPress. Se você carregar imagens não otimizadas, elas podem contribuir para um site lento e a temida penalização no ranking do Google.

Mas como é possível otimizar as imagens que vão para o seu site? Existem algumas maneiras de fazer isso.

Você pode usar ferramentas externas para otimizar as imagens antes de enviá-las para o seu site. Algumas das melhores opções são o ImageOptim, o PNGGauntlet e o Compressor.io. Estas ferramentas permitem que você facilmente otimize as suas imagens e as faça ocupar menos espaço.

Uma boa prática é usar plugins para optimizar imagens durante o upload. Estes plugins podem ajudar a minimizar as imagens para uma definição menor e também converter os arquivos entre formatos de imagem comuns, como JPG, PNG e GIF. Você pode até mesmo usar esses plugins para realizar algoritmos avançados compatíveis com SEO, que lhe permitem controlar qualidade e compressão da imagem e visibilidade na web. Um plugin como o Imagify ou WP Smush ajudará a reduzir o tamanho dos arquivos de imagem, o que significa que eles carregam muito mais rapidamente.

8 – Utilize tecnologias CDN (Content Delivery Network)

Se você está procurando um método eficaz de aumentar a velocidade do seu site WordPress, um dos primeiros passos é utilizar tecnologias de Content Delivery Network (CDN). Uma CDN é uma rede de servidores distribuídos ao redor do mundo que atuam em conjunto para entregar conteúdos a usuários baseados na localização geográfica do mesmo.

Uma boa CDN vai ajudar muito você no processo de otimização da velocidade do seu site WordPress, resolvendo ao mesmo tempo os dois últimos tópicos que falamos, Cache e Otimização de Imagens, além de recursos adicionais de segurança, como proteção contra ataques DDoS e SSL gratuito.

Como resultado, ao utilizar uma CDN para armazenar tipos de conteúdos “estáticos” do seu site, como imagens, css e arquivos JavaScript, o conteúdo será entregue de forma muito mais rápida para quem visitar seu site. Isso significa que seus usuários terão uma melhor experiência interativa e, ao mesmo tempo, você terá uma melhora nos resultados de SEO (otimização para motores de busca).

Antes de usar uma CDN, no entanto, você precisará avaliar suas opções. Existem diversos provedores de CDN no mercado, cada um com vantagens e desvantagens diferentes. Alguns deles, como o Cloudflare, oferecem serviços gratuitos, enquanto outros oferecem serviços pagos.

Uma vez que você decidir que provedor usar, o processo de configuração e implementação do CDN é relativamente simples. Dependendo do serviço e nível de complexidade desejado, isso pode ser feito manualmente ou através de plugins. Aqui estão algumas etapas básicas para implementar um CDN:

  1. Escolha um provedor de CDN;
  2. Configure seu provedor de CDN;
  3. Crie um registro DNS;
  4. Atualize seu arquivo .htaccess;
  5. Instale e configure o plugin de CDN adequado;
  6. Teste e verifique o funcionamento do seu CDN.

Os teste são de fundamental importância pois a CDN pode não ser compatível com todos os recursos e plugins do seu site WordPress, o que pode causar problemas de funcionamento, fique sempre atento a isso.

9 – Atualize seu tema e plugins instalados

Uma dica importante para aumentar a velocidade do seu site WordPress é sempre atualizar os seus temas e plugins. Os plugins são ótimos para melhorar as funcionalidades do seu site, mas às vezes podem ter um impacto negativo na velocidade. Certifique-se de manter todos os seus plugins atualizados para maximizar o desempenho do seu site.

Além disso, se você estiver usando um tema que já não é atualizado, é recomendável mudar para um tema diferente para obter os melhores resultados. Ter um tema desatualizado pode não só trazer consigo vulnerabilidades de segurança, mas também levar a problemas de velocidade. Certifique-se de que seu tema tenha suporte ativo e possa receber atualizações de tempos em tempos.

Manter os seus temas e plugins atualizados também influenciará positivamente seu SEO, uma vez que os motores de busca costumam dar prioridade ao conteúdo atualizado. Além disso, a otimização de temas e plugins poderá reduzir o tamanho dos seus arquivos, o que pode contribuir diretamente para a velocidade do seu site.

Outra coisa a considerar é a qualidade de sua hospedagem e servidor. Se o seu tempo de carregamento está lento, você deve verificar se a sua hospedagem está apropriada para o seu site. Escolher a hospedagem certa é essencial para melhorar a velocidade do seu site e também para garantir que os seus usuários tenham a melhor experiência possível.

10 – Desative ou Limite Plugins e funcionalidades desnecessários

Eu mencionei esse item no tópico de otimização do banco, mas acho extremamente necessário repeti-lo aqui devido a sua importância. Pois uma das principais formas de aumentar a velocidade do seu site WordPress é desativando ou limitando os plugins e funcionalidades desnecessários. Muitos plugins podem ser úteis, mas se eles não forem essenciais para o seu site, removê-los pode ajudar a aumentar a velocidade do carregamento do seu site. Além disso, vale a pena limitar as funcionalidades desnecessárias, como animações, imagens grandes, vídeos e texto excessivo. Quanto menos conteúdo você tiver que carregar, mais rápido seu site é carregado.

Outra dica importante é certificar-se de que o seu servidor está otimizado para seu site WordPress. Se você estiver usando uma hospedagem compartilhada, entre em contato com seu provedor de hospedagem e peça-lhes para otimizar o servidor para o seu site. Se você hospedar o seu site em um servidor dedicado, você terá a capacidade de otimizar o seu servidor para o seu site.

Ao desativar e limitar plugins e funcionalidades desnecessários, você também pode aumentar a velocidade do seu carregamento de site, ajudando a melhorar suas classificações de SEO no Google. A velocidade do site é um dos fatores de ranqueamento de SEO, portanto, se você desativar alguns plugins e limitar algumas funcionalidades, isso pode ajudar a melhorar o seu ranking. Além disso, você deve também otimizar o seu código, pois isso pode ajudar a reduzir o número de solicitações HTTP que seu site faz, melhorando assim a velocidade do site.

Mantenha uma instalação para testes

O ideal é você só instalar aquilo que estiver certo de que vá usar no seu site, use uma instalação local, ou uma área de homologação para testar plugins.

DICAS EXTRAS sobre como melhorar a velocidade do seu site WordPress

Existem

Escolha bem os temas para WordPress

A escolha do tema certo para o seu site WordPress é uma parte extremamente importante de qualquer estratégia de otimização de velocidade. A maior parte dos temas WordPress vem com vários recursos adicionais, que podem contribuir para o aumento do tempo de carregamento. Portanto, você precisa encontrar o tema certo que ofereça o melhor equilíbrio entre recursos, desempenho e configurações de SEO.

Se você está comprometido com a velocidade do seu site WordPress, é importante encontrar um tema limpo, focado e otimizado, que não contenha imagens de tamanho desnecessariamente grande ou muitos elementos visuais. Ao escolher o melhor tema para o seu site, procure por aqueles que tenham certificação de qualidade da Google, pois isso significa que o tema foi verificado e aprovado pela empresa para que seu site atenda aos padrões de otimização. Além disso, procure por temas com recursos flexíveis, mas que sejam fáceis de personalizar para que você possa ajustar facilmente a aparência do seu site, mas ainda assim manter a rapidez de carregamento.

Não utilize Sliders na primeira rolagem do site

O uso de sliders na primeira rolagem de uma página pois vai afetar negativamente a velocidade e acessibilidade do site, por isso alguns especialistas em otimização de sites WordPress não os aconselham. Em vez disso, eles recomendam alternativas mais eficientes e amigáveis, como destaques de imagem estáticos, seções de destaque claras e diretas, galerias de imagens organizadas e legíveis, ou vídeos curtos e informativos em seções de destaque. Essas alternativas apresentam o conteúdo de maneira atraente e acessível, sem prejudicar a velocidade ou a experiência do usuário. É importante levar em consideração as necessidades e objetivos do site, bem como as preferências do usuário, ao escolher a melhor maneira de apresentar o conteúdo do site.

Redirecione domínios com WWW para domínios sem WWW;

Quando se trata de otimização de SEO, a configuração correta de seu domínio é muito importante e fazer o redirecionamento de domínios com WWW para domínios sem WWW pode aumentar a velocidade do seu site. Isso porque um único endereço URL padronizado será considerado pelos mecanismos de busca como sendo um só, o que irá aumentar as chances de seu site ser bem posicionado e aparecer nos resultados da pesquisa.

O primeiro passo para redirecionar seu domínio é definir o domínio principal para que todas as páginas do seu site redirecionem para o endereço certo. Você pode fazer isso criando um arquivo .htaccess na raiz do servidor, adicionando o seguinte código:

RewriteEngine On

RewriteCond %{HTTP_HOST} ^www.SEUDOMINIO.com$

RewriteRule ^(.*)$ http://SEUDOMINIO.com/$1 [R=301,L]

Substitua “SEUDOMINIO” pelo nome real do seu domínio. Isso fará com que qualquer usuário que digitar o endereço com WWW seja redirecionado automaticamente para o endereço sem WWW.

Crie uma cópia de segurança atualizada regularmente

A segurança é sempre um dos principais fatores que precisam ser considerados quando o assunto é o aumento da velocidade de um site WordPress. Em particular, é extremamente importante criar uma cópia de segurança atualizada regularmente.

Isso garante que você não perderá dados preciosos se algo acontecer com seu site WordPress, e também significa que você terá uma solução rápida à mão se as atualizações de tempos em tempos não funcionarem como esperado.

Acompanhe as alterações de desempenho

Uma das chaves para garantir o sucesso de qualquer site WordPress é focar em melhorar a velocidade do seu site. A velocidade do seu site influencia diretamente o seu SEO e é uma das principais coisas que o Google vai levar em consideração. Além disso, seu site terá uma melhor experiência de usuário se for carregado rapidamente.

Para aumentar a velocidade de um site WordPress, há algumas coisas que você pode fazer. Por exemplo, você pode otimizar as imagens e os arquivos no seu site, instalar plugins de otimização de desempenho, mudar para uma hospedagem WordPress mais rápida, etc.

Outra dica útil é acompanhar as alterações de desempenho no seu site. Se você não monitorar regularmente as alterações de desempenho, não saberá o que está funcionando e o que não está.

O primeiro passo é garantir que seu servidor seja o mais rápido possível. Se eles oferecem um serviço de hospedagem premium, é melhor apostar nele. Se você tem algum problema com o servidor, pode enfrentar problemas de velocidade.

Depois que você tem uma boa hospedagem, você deve monitorar regularmente as alterações no desempenho do seu site. Existem muitas ferramentas disponíveis que permitem que você faça isso. Além disso, você deve investir em plugins de otimização de desempenho para otimizar o seu site. Estes plugins ajudarão a melhorar a velocidade e o desempenho do seu site.

Conclusão

Gerenciar um site WordPress requer muito trabalho, mas vale a pena para obter melhor performance para seus visitantes. Seguindo as 10 dicas acima, você pode aumentar a velocidade do seu site, garantir um ótimo desempenho e ainda contar com segurança adicional, tudo para deixar seus clientes satisfeitos. Certifique-se de monitorar as estatísticas do seu site frequentemente e observar seu desempenho, assim como mantê-lo atualizado com as versões mais recentes dos temas e plugins.

Manter seu site WordPress atualizado irá permitir que ele se desenvolva de maneira mais rápida e segura, com uma experiência ótima para seus usuários.

Deixe suas dúvidas e conte como você faz para melhorar a velocidade do seu site WordPress nos comentários.

Avalie essa postagem
Compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais e com amigos:
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email
Imprimir

Leia outros artigos criados para você

Gostou do conteúdo e precisa melhorar os resultados da sua empresa na internet?

Entre em contato conosco agora!