Logo WA

Guia para melhorar a Segurança do WordPress 2023

Pesquisar
Close this search box.
Guia de Segurança do WordPress 2023
Compartilhe:
Neste artigo você vai encontrar:

Você quer ter certeza que seu site WordPress está seguro contra malwares, vírus, e hackers tentando invadir? Esta é uma tarefa que exige atenção e cuidados para manter a segurança do WordPress em dia. Este guia está aqui para garantir que seu site WordPress fique seguro e protegido em 2023. Neste artigo explicaremos variadas práticas que não apenas irão manter o WordPress seguro, mas também impedir invasões e a perda de dados importantes.

Considerações Gerais para Melhorar a Segurança do WordPress

Por mais que o WordPress seja um dos CMSs mais seguros, os usuários ainda precisam tomar algumas medidas para garantir a segurança em 2023. Embora o próprio WordPress tenha um sistema de segurança robusto, os hackers e outras entidades maliciosas ainda podem conseguir acesso aos seus dados. Portanto, é imperativo que você tome as medidas necessárias para garantir que o seu WordPress esteja livre de malware, vírus e outros elementos maliciosos.

Uma das primeiras medidas que você deverá tomar é evitar sites suspeitos. Embora não seja possível prever todas as páginas que contêm malware, evitar páginas desconhecidas e sites que oferecem downloads gratuitos é uma das melhores coisas que você pode fazer para evitar obter vírus e outros elementos maliciosos. Você também deverá garantir que os serviços de terceiros que você está usando sejam seguros e, quando possível, atualizá-los regularmente. Por exemplo, se você estiver usando um serviço de hospedagem, certifique-se de que eles ofereçam software atualizado e seguro.

Outra forma de garantir que o seu WordPress seja seguro é manter atualizados todos os plugins, temas e a própria plataforma. Atualizar regularmente as extensões e temas pode ajudar a garantir que o seu site se mantenha seguro de vírus e outras ameaças. Também é importante verificar se há alguma vulnerabilidade conhecida no seu WordPress e atualizar o código para corrigi-la.

Por último, é importante que você tome medidas de segurança de nível superior, como autenticação de dois fatores e uma boa rotina de backups. Essas medidas de segurança basicamente já te ajudam a garantir que seus dados estejam protegidos, mesmo que alguém consiga acessar a plataforma WordPress.

Vamos olhar agora mais detalhadamente estas medidas e outras que podem lhe garantir tranquilidade de que seu WordPress estará com a segurança em dia.

Rotina de Backup do seu WordPress está em dia?

Backups na Segurança WordPress

Manter a segurança e a disponibilidade dos dados do site é uma parte vital de manter o WordPress acessível e seguro. Seu site pode facilmente ficar exposto a malware, vírus e outros tipos de invasões. E uma medida simples, que vai te economizar uma série de dores de cabeça, caso aconteça o pior, é fazer backup regularmente do conteúdo do seu site WordPress, esta é uma forma eficaz de minimizar esses riscos e proteger os dados do site.

Criar backups regulares do site é muito simples no WordPress e existem vários plugins de backup do WordPress disponíveis que permitem que você faça backup diretamente desde o seu CMS WordPress. Estes plugins criam instantaneamente backups do seu site WordPress em um servidor remoto ou em seu próprio disco rígido. Eles também permitem que você configure horários pré-programados e backups diários, semanais e mensais.

Além disso, alguns serviços de hospedagem fornecem backups automáticos de seus sites armazenados em seus servidores. Certifique-se de que o seu provedor de serviços de hospedagem ofereça o tipo certo de backups de segurança e restaure as configurações do site para a configuração original se algo der errado.

Embora faça sentido ter backups regulares do seu site WordPress, você ainda precisará verificar se os arquivos estão seguros e não estão corrompidos. Isso requer o download periódico de backups locais e a verificação de arquivos usando ferramentas de segurança. Se você detectar arquivos corrompidos, pode restaurar facilmente a última versão do seu site WordPress a partir do backup.

Instalação e Atualização do WordPress

Uma das melhores formas de melhorar a segurança do seu WordPress em 2023 é garantir a instalação correta e a atualização constante do seu site WordPress. Sabemos que o WP é um dos sistemas de gerenciamento de conteúdo (CMS) mais populares do mundo, e muitas vezes é alvo de hackers por ter uma grande base de usuários. É por isso que é extremamente importante manter o seu WordPress atualizado, não só para garantir o melhor desempenho, mas para evitar que os hackers tenham acesso aos seus dados.

Instalação e Atualização do WordPress - Medidas de Segurança do WordPress

A instalação do WordPress é bastante simples e pode ser feita em poucos minutos se você seguir os passos corretamente. A primeira coisa que você deve fazer é criar um banco de dados, se seu provedor de serviços de hospedagem não já tiver fornecido um. Você também precisará fornecer as informações de configuração do banco de dados durante a instalação. Um boa prática de segurança é garantir que o acesso de banco de dados seja restrito à sua instalação do WP, e que sua senha seja segura o bastante.

Depois de ter criado um banco de dados, você precisará baixar a última versão do WordPress. Você pode fazer isso diretamente da página oficial do WordPress, em WordPress.org. Esta é outra boa prática de segurança, garanta que sua cópia seja retirada apenas desta página. Uma vez que o arquivo Zip estiver descompactado, você pode começar a instalar o WordPress. Assim que o instalador do WordPress tiver sido completado, você já estará pronto para começar a criar seu site.

Além da instalação correta, você também precisa garantir que o seu WordPress esteja sempre atualizado para a versão mais recente. Isso significa que você precisa verificar periodicamente se existem atualizações disponíveis e instalá-las. A maioria dos provedores de serviços de hospedagem oferecem ferramentas para ajudar os usuários a verificar e instalar as atualizações mais recentes. Isso é importante para garantir que seu WordPress se mantenha seguro e protegido contra novas vulnerabilidades.

Atualização dos Plugins e Componentes Ferramentas de Segurança Adicionais

Plugins e pacotes de componentes são a maneira mais comum de agregarmos novas funcionalidades ao WordPress. E à medida que novos recursos e melhorias são adicionados, você deve atualizar ou instalar a versão mais recente dos plugins instalados. É importante manter os plugins atualizados com as versões mais recentes pois muitos vírus e malwares exploram vulnerabilidades existentes nas versões mais antigas destes plugins. A frequência de atualização dos plugins depende do seu uso – alguns podem ter atualizações mensais, enquanto outros podem ser atualizados apenas quando novas versões são lançadas.

Além das atualizações regulares dos seus plugins, existem algumas ferramentas de segurança adicionais que você pode usar para ajudar a manter o seu site WordPress seguro. Por exemplo, você pode usar plugins de segurança como o Wordfence Security para detectar intrusos e bloquear determinados tipos de atividades maliciosas. Além disso, você também pode usar soluções de segurança como o Cloudflare, que oferece proteção contra ataques por força bruta, malware e outros tipos de ataques. Finalmente, é importante lembrar que a criação de uma senha forte pode ajudar a proteger o seu site WordPress de ataques.

Regras de Segurança para Usuários do WordPress

Embora não exista nenhuma maneira infalível de bloquear as violações de segurança, é possível reduzir os riscos minimizando as vulnerabilidades unindo um rotina de verificações com algumas medidas de segurança. Uma dessas medidas é a criação de regras para usuários do WordPress, posso garantir que é uma das medidas mais eficazes para evitar invasões e preservar a segurança do seu CMS.

Regras de Segurança para Usuários do WordPress - Segurança do WordPress

Comece por estabelecer regras internas para os usuários da sua equipe. Isso inclui limitar o acesso de acordo com as necessidades de usuários individuais terão para cumprir suas tarefas dentro da gestão de conteúdo, além de definir diretrizes para o uso de senhas fortes. Se essas regras forem claras desde o início, é mais provável que todos os membros da equipe sigam as diretrizes de segurança.

Além disso, estabeleça regras para o uso de plugins e temas. Apesar de serem úteis para melhorar a funcionalidade do WordPress, se não fortá taem devidamente atualizados, esses elementos podem representar uma ameaça significativa aos sistemas de segurança. Certifique-se de que todos os usuários do WordPress estão cientes desses riscos e saibam como gerenciar plugins e temas de forma segura.

Ao exigir a instalação e ativação dos plugins de segurança, é possível reduzir o risco de infecções por malware ou vírus. Muitos dos plugins de segurança oferecem recursos como verificação de segurança em tempo real, monitoramento de login e backups automáticos. Isso ajudará a manter o WordPress seguro e protegido contra qualquer ameaça.

Finalmente, certifique-se de manter todos os sistemas e plugins atualizados. As atualizações de segurança são frequentemente lançadas com a intenção de corrigir vulnerabilidades existentes e evitar o risco de invasão. Por isso, certifique-se de que todos os usuários do WordPress estão cientes dessa prática e que as atualizações sejam instaladas assim que elas estiverem disponíveis.

Exija uso de Senhas seguras

Com o aumento de malware e vírus circulando ao redor da Internet, aumentar a segurança do WordPress tornou-se cada vez mais importante e uma das melhores formas de proteger seu site é usar senhas fortes e seguras. Esta seção vai guiá-lo através dos principais conceitos por trás das senhas fortes, para que você possa segurar seu site WordPress em 2023.

Primeiro de tudo, você deve entender o que é realmente uma senha forte. As senhas fortes devem ter algumas características principais:

  1. As senhasdevem ter pelo menos um comprimento de 8 caracteres;
  2. As senhasdevem usar letras, números e caracteres especiais;
  3. As senhas devem ser diferentes para cada conta;
  4. As senhas não devem usar palavras comuns ou frases;
  5. As senhas não devem incluir informações pessoais (nomes, datas de nascimento, etc.);
  6. As senhas devem ser regularmente trocadas.

Além disso, existem medidas práticas que você pode fazer para garantir que suas senhas sejam ainda mais seguras:

  1. Use um gerenciador de senhas para armazenar todas as suas senhas de forma segura;
  2. Use um gerador de senhas para criar senhas aleatórias;
  3. Não compartilhe as suas senhas com ninguém;
  4. Use autenticação de dois fatores para adicionar uma camada extra de segurança;
  5. Ative a verificação em duas etapas para proteger sua conta;
  6. Desative o acesso remoto ao seu banco de dados.

Removendo Usuários Não Utilizados do seu WordPress

Como saber a segurança do seu WordPress é essencial para proteger seu site e os dados associados. Para garantir que seu site esteja seguro, uma das melhores estratégias é remover usuários não utilizados. Essa prática pode reduzir consideravelmente o risco de invasão de seu site.

Remover usuários não utilizados é fácil. Primeiro, acesse o painel de administração do WordPress. Na barra lateral esquerda, selecione “Usuários” e, em seguida, “Todos os Usuários”. Verifique qual usuário não está sendo mais usado em seu site. Se não estiver fazendo logins no site, não estiver tendo nenhum tipo de atividade ou não tiver acesso ao painel de administrador, pode ser que seja um usuário não utilizado.

Você também pode descobrir usuários não utilizados verificando seus logs de atividade. Isso pode ser encontrado no painel de administração. Neste painel, você pode ver toda a atividade de seu site e dos usuários. Se você encontrar qualquer atividade incomum, certifique-se de verificar os detalhes do usuário relacionado a essa atividade e, se necessário, remove-lo.

Se você tiver a certeza de que um usuário não está mais ativo em seu site, remova-o. Para remover um usuário, selecione o usuário da lista de todos os usuários e vá para a página de edição. No canto inferior direito, você verá uma opção chamada “Excluir usuário”. Clique nela e confirme sua exclusão.

Lembre-se de que a remoção de usuários não utilizados é uma ótima maneira de aumentar a segurança do seu site WordPress. Portanto, certifique-se de manter seus usuários atualizados e remova os usuários não utilizados assim que possível.

Definindo Permissões Apropriadas aos usuários

A segurança do WordPress é um dos principais objetivos para quem deseja garantir um ambiente online seguro para seus clientes e usuários. Por isso, a importância de definir as permissões apropriadas.

Uma das principais preocupações em relação à segurança do WordPress é a infeção por malwares, ou seja, programas maliciosos que podem invadir o ambiente online e causar danos profundos ao seu site. O WordPress, como CMS (Content Management System), é varrido por pessoas com más intenções, que procuram por vulnerabilidades que possam ser exploradas por hackers para obter acesso ilegítimo aos dados do seu site.

Por isso, é importante que as permissões apropriadas sejam definidas. As permissões são definidas de acordo com as diretrizes de nível de segurança do WordPress. Estas diretrizes fornecem diretrizes específicas sobre como seus usuários e clientes podem interagir com o seu site WordPress. É importante que você defina quais usuários são permitidos a publicar, gerenciar e criar conteúdo, bem como quais são os níveis de segurança que cada um deles deve ter.

Você também deve definir as permissões apropriadas em relação ao compartilhamento de arquivos e links, bem como dar aos usuários a capacidade de compartilhar arquivos de forma segura. Além disso, é importante que você configure a segurança do navegador, criptografe os dados do site e limite o acesso a determinadas áreas do seu site. Tudo isso contribuirá para a segurança do seu site WordPress.

Mudança da URL do Login WordPress

Com o crescimento da popularidade do WordPress, veio também a necessidade do aumento na segurança, pois as tentativas de invasões e a criação de malware e vírus também tem se tornado mais comuns. É por isso que utilizar simples medidas de segurança podem melhorar a segurança do seu site. Uma dessas medidas é mudar a URL de login padrão do WordPress, esta é uma das medidas de segurança mais básicas que você deve tomar logo após a instalação do seu WP. Essa mudança pode ajudar a evitar potenciais invasões, preservar seus dados e garantir que seu site continue seguro.

Configuração do Plugin WPS Hide Login para troca de URL de Login do WP

A mudança da URL padrão de login para a sua própria URL personalizada é algo relativamente simples, mas tem enormes benefícios. Primeiro, a URL padrão pode dar certas dicas sobre seu site e fornecer informações para pessoas mal intencionadas. Por exemplo, se você usa o WordPress como seu CMS, um hacker pode explorar a URL padrão de login para encontrar informações confidenciais e dados. Com uma URL de login personalizada, esse risco é drasticamente diminuído.

Além disso, com a sua própria URL de login personalizada, você também pode usar uma variedade de plugins para adicionar camadas adicionais de segurança à sua URL. Por exemplo, você pode definir uma senha única para cada usuário, tornando ainda mais difícil para hackers invadirem seu site. Além disso, você também pode usar um plugin de autenticação de dois fatores para fornecer ainda mais segurança para o seu site.

Mudança da URL do Login WordPress

Instalar um CMS (Content Management System) WordPress é uma parte importante de qualquer site. O problema é que, com a popularidade do WordPress, veio também aumento na segurança, mas por outro lado malware e vírus também tem se tornado mais comuns. É por isso que entender o que você pode fazer para melhorar a segurança do seu site em 2023 é importante. Mudar a URL de login padrão do WordPress é uma das medidas de segurança mais básicas que você deve tomar. Essa mudança pode ajudar a evitar potenciais invasões, preservar seus dados e garantir que seu site continue seguro.

A mudança da URL padrão de login para a sua própria URL personalizada é algo relativamente simples, mas tem benefícios substantivos. Primeiro, a URL padrão pode dar certas dicas sobre seu site e fornecer informações para pessoas mal intencionadas. Por exemplo, se você usa o WordPress como seu CMS, um hacker pode explorar a URL padrão de login para encontrar informações confidenciais e dados. Com uma URL de login personalizada, esse risco é drasticamente diminuído.

Além disso, com a sua própria URL de login personalizada, você também pode usar uma variedade de plugins para adicionar camadas adicionais de segurança à sua URL. Por exemplo, você pode definir uma senha única para cada usuário, tornando ainda mais difícil para hackers invadirem seu site. Além disso, você também pode usar um plug-in de autenticação de dois fatores para fornecer ainda mais segurança para o seu site.

Ativando o Acesso Seguro HTTPS

Ativar o acesso seguro HTTPS para sua instalação do WordPress é uma maneira importante de melhorar a segurança do seu site para seus visitantes. O HTTPS garante que os dados transmitidos entre o cliente e o servidor web sejam criptografados e não possam ser lidos ou alterados por terceiros mal-intencionados. O uso do HTTPS também melhora o SEO, pois os mecanismos de pesquisa como o Google dão prioridade aos sites com segurança.

Você pode ativar o acesso seguro HTTPS no WordPress com poucos passos. Você pode configurar um certificado auto assinado ou comprar um certificado SSL seguro. Em seguida, você precisará instalar e configurar o certificado SSL no servidor. Por fim, você precisa mudar suas configurações de WordPress para usar HTTPS em vez de HTTP.

Primeiro, vá para o seu painel de controle do site e siga as instruções para configurar seu servidor com um certificado auto assinado ou comprar um certificado SSL. Em seguida, instale o certificado SSL no servidor usando o seu provedor de hospedagem. Verifique com o seu provedor de hospedagem as instruções para a instalação do certificado SSL.

Depois de instalar e configurar o certificado SSL, você precisa alterar algumas configurações dentro do WordPress. Para fazer isso, acesse o seu painel de controle do WordPress e navegue na aba “Configurações”. Em seguida, selecione a opção “Forçar o uso de HTTPS para todos os usuários”.

Uma vez que as configurações do WordPress estiverem ajustadas, você deve testar seu site para garantir que o HTTPS esteja funcionando corretamente. Para fazer isso, acesse o seu site no navegador e verifique se o endereço do site começa com HTTPS. Se isso estiver funcionando corretamente, você saberá que o acesso seguro HTTPS foi ativado com sucesso.

Verificação de Código-fonte e Plugins

Segurança do WordPress com verificação do código fonte

A proteção da segurança do código fonte do seu WordPress é essencial para manter seu site protegido contra malware e vírus. Com o aumento constante nas invasões e ataques cibernéticos, mantê-lo seguro é a única opção. O WordPress é essencialmente um CMS seguro, mas existem alguns métodos de proteção adicionais a seguir para garantir que seu site permaneça seguro. Verificação de código-fonte do WordPress, de seu Tema e plugins são uma boa maneira de otimizar a segurança do WordPress.

Verificação de código-fonte significa monitorar todos os scripts e códigos de seu site e verificar se existem erros, vírus, malware ou qualquer outro problema que possa corromper ou comprometer seu site. Como a grande maioria do plguins e o próprio WordPress possuem seus códigos listados em ferramentas públicas de gestão de versionamento de código, ferramentas podem ser usadas para comparar o código da sua instalação, com o código dos diretórios onde as últimas versões desses arquivos estão armazenados. Esta é, com certeza, uma etapa importante na manutenção de segurança do seu site, pois reduz o risco de invasão e lhe dá controle total sobre o código que está em execução no WordPress. É importante manter todos os arquivos do código-fonte atualizados. Isso significa instalar e manter as versões mais recentes de plugins e temas, bem como qualquer software livre ou de código aberto que você esteja usando.

Além da verificação de código-fonte, você também deve verificar os plugins instalados. Os plugins são pequenos programas de software que podem ser instalados e executados no WordPress para adicionar funcionalidades ou melhorar o desempenho do site. Embora os plugins sejam úteis, eles também podem representar uma ameaça se eles forem infectados por malware ou vírus. Verifique regularmente todos os plugins instalados e remova quaisquer que sejam desatualizados ou não estejam sendo mais usados.

Limitação de Login Inválido

A limitação de login inválido é uma ótima maneira de proteger um site WordPress contra invasores.com os hackers. Ao limitar os logins inválidos, você pode reduzir significativamente as chances de uma invasão bem sucedida e assim garantir que os dados sejam preservados.

Como é que funciona? A limitação de login inválido é um processo no qual os usuários que tentarem logar-se com credenciais incorretas serão bloqueados por um determinado período de tempo. Isso significa que, se alguém tentar obter acesso ao seu site WordPress usando credenciais incorretas, o site aplicará uma limitação, bloqueando-o temporariamente.

A limitação de login inválido é uma característica importante que pode ser encontrada em diversos plugins de segurança WordPress. Esses plugins permitem que você defina regras para bloquear usuários depois de determinado número de tentativas de invasão. Por exemplo, você pode definir um limite de três (3) tentativas de login inválido antes de bloquear o endereço IP do usuário.

Além disso, alguns plugins oferecem acesso a outras características, como enviar mensagens de alerta após um login inválido e a possibilidade de bloquear usuários por IP. Essas características podem ajudar a aumentar significativamente a segurança do seu site WordPress.

Monitoramento de Atividades Suspeitas

Monitorar as atividades suspeitas é uma parte fundamental da segurança em qualquer site, especialmente em WordPress. O WordPress é o CMS mais popular do mundo, o que o torna um alvo favorito para invasões e aplicações maliciosas. Se você deseja manter o seu site WordPress seguro em 2023, é necessário monitorar as atividades suspeitas para identificar e remover possíveis ameaças com maior rapidez.

Aqui estão algumas dicas para monitorar suas atividades com segurança:

Primeiro, comece monitorando suas entradas de log para qualquer acesso não autorizado. Ao encontrar quaisquer alarmes, indique-os rapidamente e investigue possíveis problemas. Em segundo lugar, verifique seu site periodicamente para verificar se há alguma atividade suspeita, como alteração de código, arquivos inesperados ou alterações de configuração.

Além disso, monitorar o comportamento dos visitantes é vital para o monitoramento de atividades suspeitas. Por exemplo, se você notar um aumento repentino nas solicitações de acesso ao seu site, isso pode indicar que seu site está sendo alvo de um ataque de negação de serviço.

Outra forma de monitorar as atividades suspeitas é usar um sistema de segurança avançado. Os sistemas de segurança avançados são capazes de detectar qualquer atividade suspeita, como malware ou tentativas de invasão, e acionar as medidas de segurança apropriadas. Isso é muito importante para garantir que seu site WordPress seja mantido seguro.

Monitoramento contínuo de Segurança

Com o avanço da tecnologia, o monitoramento contínuo de segurança do WordPress é fundamental para garantir que nenhum malware ou vírus invada o seu sistema. Com o plugin WordPress Security Audit Log, você poderá acompanhar perceptivamente as atividades do website, incluindo alterações de conteúdo, e-mails enviados, atividades de usuários, alertas de segurança e outros eventos de auditoria.

O WordPress Security Audit Log possibilita a geração de relatórios detalhados que mostram exatamente quem fez o quê no seu site. Estes relatórios permitem que você verifique as atividades do usuário e verifique se elas são postas dentro dos termos de segurança que você estabeleceu.

Existem outras maneiras de gerenciar o monitoramento contínuo de segurança do WordPress. Por exemplo, você pode usar segurança em tempo real através do Plugin Wordfence Security. Este plug-in oferece serviços totalmente gerenciados com funções como verificação de malware e vírus, palavra-passe forte, verificação de falhas na segurança, proteção de firewall e muito mais.

A segurança do WordPress é importante, não só para que seus internautas e usuários se sintam seguros em usá-lo, mas também para que o CMS seja capaz de resistir a qualquer invasão externa. Ao adotar um monitoramento contínuo de segurança do WordPress, você pode ter a certeza de que o seu site está livre de ameaças e seguro para uso.

Verificação Periódica da Atualização da Segurança

A segurança do WordPress é um assunto extremamente importante e deve ser tratado com a devida atenção. É por isso que recomendamos que você faça uma verificação periódica da segurança do WordPress 2023 para assegurar que o seu CMS esteja sendo mantido seguro.

Ao fazer uma verificação periódica da segurança do WordPress, você está tomando as medidas necessárias para impedir que seus dados sejam perdidos ou vulneráveis à invasão. O WordPress é um CMS vulnerável a vírus, malware e outras ameaças digitais, portanto, é importante manter seu CMS atualizado e protegido.

Aqui estão alguns dos principais fatores para manter em mente ao verificar a segurança do WordPress:

  • Certifique-se de que todos os plugins, temas e outros materiais instalados na plataforma WordPress estejam sempre atualizados.
  • Verifique se você instalou os plugins necessários para prevenir invasões e malware.
  • Verifique a configuração de segurança do seu CMS, alterando senhas regulares e usando senhas fortes.
  • Verifique se o seu site está configurado para fazer backup de dados.
  • Verifique se você tem todos os mecanismos de segurança ativos no seu site.
  • Verifique regularmente se há atualizações disponíveis para o WordPress.
  • Verifique se o servidor do seu site está configurado corretamente para proteger contra invasões.
  • Verifique periodicamente se você tem proteção contra ataques de força bruta.

Bloqueando Ataques Por Força Bruta

Ataques por força bruta têm sido cada vez mais comuns nos CMS, como o WordPress. No ano de 2023, é essencial tomar medidas para proteger seu site de malware e vírus. Uma das principais medidas é bloquear ataques por força bruta.

Ataques por força bruta são invasões tentando adivinhar as credenciais de segurança para obter acesso não autorizado ao seu site. Estes ataques usam um grande número de palavras-chave e padrões de senhas para adivinhar senhas de acesso.

Uma das maneiras mais eficazes de bloquear estes ataques é usar um sistema de controle de acesso com múltiplos níveis de segurança. Estes sistemas de controle de acesso podem incluir múltiplas camadas de senhas, autenticação de dois fatores e limitação de acesso com base no endereço IP.

Outra medida importante para bloquear estes ataques é usar software antimalware e antivírus para manter seu site seguro. Software antivírus detectará e remover vírus e malware que possam estar presentes no sistema. O software antimalware detectará atividades suspeitas que podem ser associadas a força bruta e outras tentativas de invasão.

Por fim, é importante manter os plugins e temas do WordPress sempre atualizados. Estas atualizações são importantes para corrigir vulnerabilidades conhecidas e garantir que seu site seja seguro contra ataques por força bruta.

Utilizar um Firewall

A segurança do seu WordPress deve ser uma das suas principais prioridades. Em 2023, é esperado que o malware e vírus continuem a se tornar cada vez mais evoluídos e, portanto, mais difíceis de serem detectados. Por isso, é essencial que você tome precauções para proteger o seu site WordPress contra invasões. Uma das melhores maneiras de fazer isso é utilizar um firewall.

Um firewall é um sistema de segurança que restringe, bloqueia ou monitorea o tráfego de rede entre seu site e os servidores da web. É como se fosse uma barreira entre o seu site e o mundo externo, e é usado para impedir acessos não autorizados aos seus dados.

Quando se trata de firewalls, existem diferentes opções a considerar. Alguns são licenciados e instalados por sistemas de terceiros, oferecendo uma maior proteção. Outros, no entanto, são gratuitos e podem ser configurados diretamente a partir do seu site WordPress.

O que é importante lembrar é que, independentemente da opção escolhida, o firewall é essencial para a segurança do seu site. Ele pode ajudar a proteger o seu site contra malware, vírus, hackers e outras formas de invasão. Além disso, ele ajuda a proteger seus dados confidenciais e impede que os hackers acessem suas informações pessoais e confidenciais.

Configure corretamente as permissões de arquivo

Uma forma simples e eficaz de melhorar a segurança do WordPress é configurando corretamente as permissões de arquivo e diretórios. Isso pode parecer um tanto complicado, mas é extremamente importante para garantir que código malicioso e vírus não possam invadir o seu site.

Primeiro, é importante entender como são definidas as permissões de arquivo. Cada arquivo e diretório no seu servidor tem três configurações básicas: leitura, gravação e execução. Essas configurações definem quem (você ou outras pessoas) pode ler, gravar ou executar as informações contidas dentro do arquivo ou diretório. Por exemplo, se uma pessoa não tem permissão de leitura em um arquivo, ela não consegue abri-lo ou ler o conteúdo presente nele.

Como as permissões de arquivo estão relacionadas à segurança do WordPress? Bem, esta é uma boa pergunta! Se as permissões de arquivo e diretório não forem configuradas corretamente, então pode ser muito mais fácil para hackers e crackers entrarem no seu site e instalarem malware ou roubar informações confidenciais. Além disso, configurar incorretamente as permissões de arquivo pode até mesmo tornar o seu site inacessível. Portanto, é importante definir as permissões de arquivo de forma segura, como recomendado pelo WordPress.

Bloqueie alguns IPs

Hoje em dia, é necessário tomar precauções para manter o seu WordPress 2023 seguro e livre de invasões de malware e vírus. Para aumentar a segurança do seu CMS, um dos primeiros passos que você deve tomar é bloquear alguns IPs. Isso geralmente é feito adicionando um pequeno trecho de código à sua página .htaccess, que é um arquivo de configuração que controla o comportamento do seu servidor web.

Esse recurso permite que você bloqueie o acesso a determinadas partes do site ou ao site inteiro a partir de endereços IP específicos, ou até mesmo de uma faixa de endereços IP. Isso pode ser útil para bloquear acessos indevidos de hackers ou bots maliciosos que estejam tentando adivinhar informações de login ou coletar dados sensíveis.

Além disso, usar essa técnica pode ajudar a proteger o seu site de bots que estejam realizando verificações de spam, acessando páginas de contato de forma automatizada, executando scripts maliciosos e outras tarefas que podem lentificar o carregamento da sua página.

Para bloquear os IPs indesejados, primeiro você precisa identificar o ou os IPs que deseja bloquear, o que pode ser feito consultando o painel de controle do seu servidor web ou o registro de log do seu site. Em seguida, você precisa adicionar o IP ou faixa de IP ao arquivo .htaccess, usando o seguinte código:

deny from [IP ou faixa de IP]

Finalmente, salve o arquivo e recarregue o seu site para que as configurações sejam aplicadas. Lembre-se de que, se você não tiver certeza do que está fazendo, é recomendado que busque ajuda de um profissional qualificado.

Existem ferramentas ou plugins que podem ser usados ​​para melhorar a segurança do WordPress?

Sim, existem várias ferramentas e plugins que podem melhorar a segurança do WordPress em 2023. Estas ferramentas podem ajudar a prevenir o malware e vírus, bem como as invasões de dados. Para ter um site WordPress seguro, é importante ter uma combinação de ferramentas de segurança e plugins.

Para garantir a segurança do seu site WordPress, você deve usar um plugin de firewall. Os firewalls são usados ​​para monitorar o tráfego de entrada no seu site para detectar quaisquer ataques. O plugin de firewall ajuda a bloquear malwares de acessar o seu site. Outra vantagem de usar um firewall é que ele verifica os dados e faz backup deles, o que significa que você pode recuperar rapidamente se o seu site for comprometido.

Também é importante usar plugins de segurança para proteger seu site contra hackers. Estes plugins normalmente oferecem proteção contra vários tipos de ameaças, incluindo malwares, vírus, invasões de dados e muitos outros ataques cibernéticos. O plugin de segurança também ajuda a monitorar as atividades no seu site, o que significa que você pode detectar rapidamente qualquer atividade suspeita.

Por fim, também é importante usar um plugin de backup. Este plugin é usado para criar backups regulares do seu site, o que significa que você pode restaurar rapidamente seu site em caso de alguma falha. Além disso, os backups ajudam a garantir que você não perde dados importantes se o seu site for comprometido.

Plugin Wordfence na Segurança do WordPress

Com a crescente preocupação com a segurança dos websites, a instalação e configuração de Plug-ins de segurança é um dos passos mais importantes que um administrador de sites deve tomar para prevenir ataques de malware, vírus e invasões de dados.

Uma das melhores opções para melhorar a segurança do WordPress em 2023 é o plugin Wordfence. Ele oferece uma solução completa para segurança de sites WordPress, com vários recursos e recursos avançados para proteger seu site contra ameaças.

A opção gratuita do Wordfence inclui monitoramento de tempo real, análise de malware e verificação de vulnerabilidades, além de recursos de firewall com proteção contra ataques DDoS. Além disso, o Wordfence vem com um sistema de gerenciamento de logs integrado, que rastreia toda a atividade do seu site.

O Wordfence também oferece recursos avançados, como a monitoração de contas e verificações de senhas fracas, que ajudam a prevenir invasões de dados. Além disso, o plugin fornece um relatório detalhado de segurança, que mostra o status de proteção do site em tempo real para todos os principais problemas de segurança.

Por fim, o Wordfence oferece suporte aos usuários por meio de sua base de conhecimento, fóruns e suporte ao cliente. Com todos esses recursos, o Wordfence é definitivamente uma das melhores opções para melhorar a segurança do WordPress em 2023.

Como posso manter o meu site WordPress protegido de hackers?

Muitos sites são vulneráveis às ameaças de invasão de dados, vírus, malware e outras formas de ciberataques. O WordPress é um dos CMSs (sistemas de gerenciamento de conteúdo) mais usados em todo o mundo, e não é diferente com relação à segurança.

Quando se trata de proteger o seu site WordPress, existem algumas medidas que você deve tomar para manter seus dados e conteúdo seguros. Primeiro, é importante verificar se todos os plug-ins e temas usados no site estão atualizados. Esta é uma das melhores maneiras de se proteger contra os mais recentes ataques de hackers e vírus. É importante que você revise semanalmente esses arquivos e temas para garantir que eles estejam totalmente atualizados.

Além disso, você deve garantir que o seu CMS WordPress esteja executando a versão mais recente do software WordPress. A versão mais recente oferece melhor segurança e recursos e garante que seu site esteja protegido. Além disso, recomendamos reforçar a segurança do seu site com plugins adicionais de segurança WordPress. Esses plugins ajudam a monitorar seu site e detectar atividades suspeitas que podem sinalizar uma invasão.

Por último, é importante manter uma política de segurança forte. Isso inclui a definição de fortes senhas, a criptografia de dados, a verificação de identidade de usuários e o uso de soluções de autenticação de dois fatores. Essas medidas ajudam a garantir que seu site esteja seguro e protegido.

Uma última palavra sobre Segurança no WordPress

Com o aumento da adoção do CMS WordPress como solução de gerenciamento de conteúdo, a segurança do WordPress se tornou ainda mais importante para os desenvolvedores. Embora existam inúmeros mecanismos de segurança que podem ajudar a reduzir a probabilidade de sofrer ataques de malware, vírus ou invasões de dados, ainda há medidas que você pode adotar para aumentar a segurança do WordPress. O Guia para melhorar a Segurança do WordPress 2023 fornece todos os detalhes necessários para garantir que seu site esteja protegido contra vulnerabilidades de segurança.

Comece criando uma senha forte e única para cada conta do WordPress. Use criptografia para tornar a senha ainda mais segura. É importante verificar se todos os plugins utilizados estão atualizados, pois existem vulnerabilidades conhecidas que podem ser exploradas. Além disso, verifique se todos os temas são mantidos atualizados. Ao manipular arquivos de tema, observe algumas precauções básicas de segurança, como usar o controle de revisão do WordPress.

Outra maneira de melhorar a segurança do WordPress é garantir que somente pessoas autorizadas possam acessar o site. Certifique-se de aplicar as últimas atualizações de segurança para proteger seu site de ataques de força bruta. Além disso, instale um software de firewall para detectar e prevenir ataques maliciosos. Outra técnica de segurança recomendada é instalar um plug-in de segurança como o Sucuri Security para monitorar o tráfego de entrada e saída.

Conclusões sobre como melhorar a segurança do WordPress

A segurança do WordPress é essencial para os usuários e grandes empresas que almejam ter um site em 2023. O WordPress deve estar sempre atualizado para evitar possíveis vulnerabilidades de segurança. O backup de dados do site é importante para restaurar os dados após um ataque, como também a instalação e atualização das últimas versões do WordPress, temas e plugins. Estabelecer regras para usuários do WordPress, uso de senhas poderosas e removendo usuários não utilizados são também necessários para melhorar a segurança no WordPress. Como também a mudança da URL do login WordPress, ativando o acesso seguro HTTPS, verificação de código-fonte e plugins, a limitação de login inválido e o monitoramento de atividades suspeitas. Não podemos nos esquecer de monitorar contínuamente e verificar periodicamente a atualização da segurança, além de bloquear ataques por força bruta e usar um firewall. Por fim, configurar as permissões de arquivo e bloqueio de alguns IPs, e usar ferramentas de segurança como Wordfence são tarefas necessárias para manter a segurança do WordPress constante. Com a proteção adequada do WordPress, o site ou a empresa estará protegido de hackers mal intencionados. Essas são as principais dicas para melhorar a segurança do WordPress em 2023.

Receba Análise sobre o desempenho do seu site feita por um Profissional 100% grátis

Verifique a saúde do seu Site! Nada de Análise automática de um robô. A análise profissional de um site é importante e é o primeiro passo para verificar pontos que podem estar afetando sua performance e vendas online. É o primeiro ponto para se corrigir problemas de carregamento, segurança, SEO e muitos outros, só assim seu site pode se tornar uma ferramenta ainda mais poderosa de vendas e branding.

Você receberá sua análise por email e seus dados não serão compartilhados.

5/5 - (16 votos)
Compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais e com amigos:
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email
Imprimir

Leia outros artigos criados para você

Gostou do conteúdo e precisa melhorar os resultados da sua empresa na internet?

Entre em contato conosco agora!